sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Perfume de Mulher

Há certas coisas que, por muito que queiramos não lembrar, boas ou más, acabam sempre por ir parar à nossa cabeça. Lembranças do passado, mais ou menos completas, que nos remetem para um determinado acontecimento ou pessoa em particular! Mas há uma lembrança em concreto que eu não consigo nunca esquecer... O cheiro...

O cheiro é um complexo de substâncias químicas que o cérebro percebe, identifica e guarda para sempre. Não há melhor arquivo para uma emoção, do que a relação com um cheiro específico. Uma mulher cheirosa embriaga-me e altera-me completamente os sentidos. Fico rendido ao seu charme. Não há nada mais sedutor que uma mulher que aplica um bom e cheiroso creme hidratante no corpo todo depois do banho, um “Victoria’s Secret” por exemplo, usa um condicionador especial no cabelo, creme hidratante nas mãos e para terminar com chave de ouro, um perfume maravilhoso no pescoço e pulsos, ou até no próprio cabelo...

E, realmente, há cheiros que nunca se esquecem. Ou, a cada cheiro, atribuímos um rosto ou uma personagem. Os aromas chegam pelo nariz, tocam directamente o coração e, alguns deles, fixam-se na lembrança para sempre. Ainda hoje, quando sinto um determinado aroma no ar, sou capaz de virar o pescoço, inconscientemente, só para me certificar se é ou não aquela mulher. Assim, de cabeça, lembro-me de uma boa meia dúzia de perfumes que nunca mais irei esquecer, talvez porque quem os usou também foi importante para mim! Recordo-me até de um episódio da minha vida em que eu estava tão apaixonado e decidido em conquistar uma miúda da minha escola que era capaz de encontrá-la só pelo cheiro... e que cheiro... vi poucas mulheres tão cheirosas quanto ela... só de me lembrar, até consigo sentir o doce perfume sedutor e sensual do “Perfume Classique”, de Jean Paul Gaultier, a invadir-me os pulmões...

O cheiro, na verdade, diz muito a respeito da mulher e é um factor muito importante na conquista... é uma óptima maneira de chamar a atenção... o cheiro, nós nunca o esquecemos.... Um perfume forte, por exemplo, é tão invasivo quanto falar muito alto... E, actualmente, por muito que eu não queira e tente lutar contra isso, há um cheiro que não me sai da cabeça! Daqueles cheiros de mulher, mesmo! A quem ninguém consegue ficar indiferente. Daqueles perfumes não recomendados a taquicardíacos. Um cheiro doce e leve que me faz voar e me transporta para o azul do céu! Tento imaginar esse rosto, essa mulher a usar esse mesmo perfume e deixo-me levitar nessa sensação! E que sinta o seu cheirinho particular quem chegar bem pertinho...

Mas, apesar destes aromas todos, muito inebriantes, provocadores e sensuais, sem dúvida, sabem qual é o cheiro que um homem mais gosta? Cheiro de tesão, cheiro de sexo! Quando as hormonas o libertam podemos nem o sentir, nem o conseguir cheirar, mas os nossos corpos sentem-no e entendem que quando esse cheiro surge no ar, algo de maravilhoso está para acontecer...

17 comentários:

Angel disse...

Gostei:)

Concordo. O cheiro é muito importante. Um homem e uma mulher podem ter muitas compatibilidades mas se não gostam do cheiro um do outro nada feito. E por cheiro não me refiro apenas ao perfume mas ao cheiro natural do próprio corpo.

Há pessoas cujo cheiro não gostamos e nem precisam ser do sexo oposto (apesar de serem pessoas higiénicas).

Outras há em que basta chegar perto para as emoções despertarem. E se a este tipo de química se junta um perfume que nos agrada é a cereja em cima do bolo.

Também gosto de um homem que cheire sempre bem.

A Gaja disse...

Pois...o cheiro...

Factor muito importante!
Daí a importância de conviver, de estar juntos...nem que seja para um café.

Sugiro que a seguir se fale de "o toque".
Juntar o cheiro ao toque então....!!

O Gajo disse...

Concordo com os comentários de ambas. Os sentidos podem ser inebriantes e levar-nos a fazer loucuras!

Já agora, e quando apenas existe uma química inexplicável que não se vê, não se toca nem se cheira? Mas que a sentimos e sabemos que existe?!?

Angel disse...

Ui...como assim?

Angel disse...

Essa química que falas é a mais fantástica pois para existir mesmo sem se ver, sem toques nem cheiros tem de ser baseada em algo muito mais profundo do que o restante.

O Gajo disse...

Estou baralhado...

Mas afinal sabe do que eu estou a falar ou nem por isso?!? É que os seus dois comentários paracem-me contraditórios.

Angel disse...

Ok. Para não haver mal-entendidos, diga-me primeiro a que se está a referir.

O Gajo disse...

Para perceber o que eu estou a falar recomendo-lhe, caso ainda não conheça, que veja o filme "Entre Lençóis", com Reynaldo Gianecchini e Paola Oliveira. Relata a história de duas pessoas, ela, com casamento marcado e ele, que acaba de sair de uma longa relação, que se conhecem num bar e sente uma empatia, um desejo e uma vontade inexplicável de se terem um ao outro. O encontro termina num motel onde iniciam uma discussão sobre amor, desejo e insegurança. É desta química que estou a falar...

Angel disse...

Ah, não acho piada ao actor, muito sem graça, mas obrigada pela sugestão:)))

O Gajo disse...

Pois eu, ao contrário de si, acho um piadão à actriz. Loira e sensualísima! Mas, não é aquele modelito tipíco de barbie loira e sem conteúdo...

Agora, eu já disse áquilo a que me referia. Falta saber o que pensava a menina, donzela, senhora...

Carolina Tavares disse...

Achei muita graça disto ¨Daqueles perfumes não recomendados a taquicardíacos.¨
Gostei muito do último parágrafo. Nada como cheiro de sexo, puro tesão.
bj

O Gajo disse...

Não concorda, Carolina, de que existem perfumes e aromas capazes de nos deixarem extasiados? Completamente embriagados quando “incorporados” no corpo, na pele, no cabelo de uma mulher linda, fabulosa, daquelas, femininas até no olhar? E que bem que sabe cheirar uma mulher assim!...

Mas, apesar disso, aqueles que menos sentimos, mas quando está no ar nós “cheirámo-lo” com o corpo todo, é o cheiro do desejo sexual! É uma curiosa subtileza, não acha?

Carolina Tavares disse...

Interessante o que escreveste: ¨Mas, apesar disso, aqueles que menos sentimos, mas quando está no ar nós “cheirámo-lo” com o corpo todo, é o cheiro do desejo sexual!¨
Cheirar com o corpo todo é puro tesão. Delícia!!!

O Gajo disse...

É delicioso, não é Carolina, quando sentimos a pele arrepiar e onde, apenas um toque, é capaz de despertar as mais maravilhosas sensações?!?? O problema, ou não, mas, sim, ainda bem, é que não se sente isso com todas as pessoas! Nem, tão pouco, com aquelas que queremos!

O que me leva a questionar: o que condiciona ou estimula esse estado? Que factores intervêm nesse processo, além da evidente atracção?

Carolina Tavares disse...

O start se dá com um conjunto de componentes: o cheiro, a química da pele, o que chamamos de belo, atraente fisicamente, ou seja, as formas, o comportamento (gestos), a voz, a maneira de se comunicar, o modo como se veste, enfim, tudo é captado em rápidos minutos.

A manutenção de uma atração aparente também irá depender da manutenção do interesse e assim irão somar outras coisas como qualidades valorizadas.

O Gajo disse...

Concordo!

Obrigado, Carolina, por ter respondido de forma tão elucidativa à minha questão!

:-)))

Anónimo disse...

Dialogo interessante! de facto, os perfumes e seus aromas podem ser muito inspiradores e por vezes contam historias :)

Convido a visitarem o website de perfumes, onde podem escolher fragrâncias desde 3,5 euros:

www.perfumeslowcost.pt.vu